::: Vídeo / Resenha – A Virada :::

Terminei amados! Li o livro A Virada: uma história verídica de Luiz Antonio Scavone Neto e eu queria comentar tanta coisa, muito mais do que falei no vídeo, mas acho que algumas opiniões também devemos guardar já que hoje em dia tudo é proibido.

Bom, o assunto é extremamente polêmico e eu QUERO MUITO a opinião de vocês, a opinião sincera mesmo que venha bater de frente com o o que eu penso. Eu gosto de ouvir o que vocês tem a dizer, não importa se concordam ou não comigo. Apenas saibam argumentar 😉

No vídeo eu falo do site do Luiz, que é onde vocês podem achar tudo sobre o livro e principalmente como comprar, para ficar aqui bem fácil para vocês lá vai o site: http://luizscavone.com.br/

Sem mais delongas, vamos ao vídeo?

E aí, comentários???? ❤

Ps_ beijo especial pra Amanda e pro Luiz. Fé e muita Luz para vocês dois ❤

Anúncios

2 comentários sobre “::: Vídeo / Resenha – A Virada :::

  1. Amanda disse:

    Mô, muito obrigada pela sua ajuda!
    A resenha ficou ótima e é muito bom poder ceder ao Luiz o direito de resposta.
    Os julgamentos sempre existem, bons ou ruins, mas você conseguiu com o vídeo pontuar que a intenção não é obter lucro, mas fazer com que as pessoas “abram” a cabeça e percebam que o sistema prisional não é isento de irregularidades.
    Pudemos ver o caso do goleiro reserva do Brasil, de pólo aquático, que por sorte conseguiu retornar ao Rio de Janeiro antes de cumprido o mandado de prisão que já havia sido expedido, mas que ja está “marcado” para o resto da vida e não poderá visitar países que tem acordo/aliança com o Canadá, já estampa páginas e páginas do Google e foi alvo de jornais e midias. Ele assumiu a relação consensual, com uma MAIOR de idade, mas não interessa, se a “vítima” se sentiu intimidada ou mesmo se ela quis seus 5 minutos de fama, ela pode alegar que foi violentada e ele, sem direito à ampla defesa, será detido e poderá ficar lá, encarcerado por até 15 anos.
    No caso do Luiz, por ter sido acusado por uma MENOR de idade (um tanto quanto inconsequente), ele poderia pegar até 30 anos preso, caso não aceitasse um acordo e decidisse esperar por julgamento para TENTAR provar a sua inocência; Isso é cabível?
    Nos meus anos de estudo de direito penal, sempre soube que é preferivel soltar um bandido a condenar um inocente, justamente porque fatos como o que aconteceu com o Luiz acontecem e não são poucos.
    Não sou “mulher de bandido”, não tenho uma mente doentia e nem sou complacente com a prática de crime algum, mas prezo acima de tudo pela JUSTIÇA e é por isso que decidimos digitalizar aquelas centenas de folhas que ele fez de diário durante os longos meses detido, sem saber o que poderia acontecer no dia seguinte, sem perspectiva de sair dalí, transformando-as num livro que agora é utilizado para que ele possa ter o direito de contar a sua trajetória e tudo o que ele aprendeu lá dentro e que fez dele uma pessoa muito melhor.
    Muito obrigada pelo apoio e pelas suas palavras!!!
    Um beijo grande!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s