::: Resenha – HQ – Le Chevalier: Arquivos Secretos Vol. I :::

Saudades de resenha de livros hein? Pois bem, vamos para a resenha de uma HQ maravilhosa da AVEC? Para quem já leu algo do universo de Le Chevalier eu garanto que não vão se arrepender, já aqueles que não conhecem essa pode ser uma bela porta de entrada para se apaixonarem ❤

Autor: A.Z. Cordenonsi
Ilustrador: Fred Rubim
Páginas: 64
Editora: AVEC

d2649b638b50da85b17889f5acab389db

A França lidera a Revolução Industrial em um mundo steampunk e o espião Chevalier é o principal agente do Bureau Central de Inteligência e Operações, protegendo o Império Francês contra seus inimigos.Nas duas histórias recheadas de aventura, espionagem e reviravoltas deste volume, Chevalier e Persa, seu desbocado companheiro, precisam capturar um assassino em série e desbaratar uma conspiração que ameaça todo o delicado equilíbrio político europeu.

Resenha

Já quero adiantar que a resenha não abordará a história em si, pois uma HQ com 64 páginas e uma sinopse bem elaborada não deixa espaço para que possa contar qualquer episódio sem ser um baita de um spoiler!

Mais uma vez parabenizo a AVEC por sua qualidade extraordinária na produção de uma HQ, desde o tamanho das letras nas falas até a qualidade do papel usado. Artur e companhia, parabéns mais uma vez por um trabalho impecável. Ainda na leva dos parabéns vale a menção ao ilustrador Fred Rubim que deu vida à espetacular história de Cordenonsi, Le Chevalier já me era familiar, mas ter as cenas de uma de suas aventuras é imensamente melhor.

Temos aqui duas pequenas histórias do nosso Le Chevalier (mil desculpas ao autor por me sentir um pouco dona das histórias) e seu fiel escudeiro Persa que vão deixar com um gosto de quero mais, principalmente quando se tem um belo ponto de interrogação ao lado do FIM, literalmente. Esse é o primeiro volume de Arquivos Secretos que conta com A besta de Notre Dame e Le Chevalier Contra o Dínamo Rubro.

Para quem não leu o livro de Cordenonsi não se preocupem, a HQ não usa elementos do livro então pode ser lida por qualquer pessoa que se interesse pelo universo steampunk. Eu como leitora e fã posso falar que essas pequenas histórias contribuiram para o aumento do meu amor e também para mais uma vez falar que Le Chevalier não deixa a desejar para quem gosta de Sherlock Holmes. Jamais farei essa comparação de personagens, apenas quero dizer que os apreciadores de grandes enigmas quase indecifráveis podem dar a chance à uma história criada por um brasileiro que estamos no mesmo nível.

Antes de começar a história o autor nos brinda com uma página explicativa dos personagens principais que são: Le Chevalier, Persa, Major Valois, Alexandra e os Drozdes. Mil pontos por isso. Não sei vocês, mas meu personagem preferido acaba sendo Persa, ele não é uma graça? Brincadeiras a parte, ele é sensacional e peça fundamental. Concordam?

Termino minha resenha com o comentário de que esse é mais um 5 estrelas da AVEC e o universo de Le Chevalier precisa ser expandido cada vez mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s